Acesse informações atualizadas sobre os serviços públicos da rede de proteção às mulheres, disponíveis durante a quarentena.
E mais: conheça os canais de denúncia e os principais protocolos de segurança.









Durante a quarentena, procurar ajuda ficou mais difícil, afinal, os serviços públicos de enfrentamento à violência contra as mulheres tiveram que se adaptar ao novo contexto. Ao mesmo tempo, a cada dia que passa vemos o aumento dos casos de violência.

Diante disso e com o objetivo de dar uma resposta ágil para as mulheres que mais precisam de nós neste momento, o Mapa do Acolhimento lançou o #TôComElas: uma mobilização nacional que reuniu voluntárias de todo o Brasil para atualizar as informações dos serviços públicos de proteção às mulheres. O resultado, você encontra abaixo:






Se você chegou até aqui com alguma dúvida entre em contato com a gente pelo e-mail: mapeamento@mapadoacolhimento.org

Vamos receber a sua mensagem com muito carinho! <3





Na mídia:

Mapa do AcolhimentoCriado por Mapa do Acolhimento usando o BONDE